O PRAZER DE LER                                         CASA

TROCA-TROCA DE BONS LIVROS   

livros

Amiga do nosso site revela que foi a um encontro com autores no Museu da República, localizado no bairro carioca do Catete e conseguiu um exemplar em espanhol de Cem Anos de Solidão trocado por um livro dela.
O evento chamado Livros na Mesa funciona assim: Basta chegar e levar seu bons livros, aqueles que motivem uma troca de idéias e de exemplares. 
O evento gratuito se repete todo último sábado do mês, no Museu da República.

Qualquer um pode levar seus livros. Numa mesa grande ficam expostos os livros, sempre com o nome de quem o deixou. Alguém se interessou pelo seu exemplar? Vá até à pessoa e defenda seu ponto de vista. E leve outro no lugar, já ouvindo de alguém uma prévia da obra que você acabou de escolher.

Museu da República - Rua do Catete, 153 - Catete. ENTRADA FRANCA

 

LER POR PRAZER É POSSÍVEL
CLÁUDIO AMADIO

livros3

Há 20 anos, dar um livro de presente de aniversário ou Natal seria a melhor forma de ver uma criança desapontada. Hoje, entretanto, isso mudou. Confiantes na missão de estimular o público infanto-juvenil à leitura, as editoras vêm investindo pesadamente nesse ‘universo’. E o resultado de apostar em escritores e ilustradores de alto nível, caprichar no acabamento e buscar entender as necessidades desse público pequeno na altura, mas exigente na postura, não poderia ser melhor.

A pesquisa Retratos da leitura no Brasil, divulgada recentemente, revela que o brasileiro lê 4,7 livros por ano, em média. Quando analisamos os resultados referentes aos leitores entre cinco e 10 anos, a média sobe para 6,9. E entre 11 e 13 anos, alcança a casa dos 8,6. Essa, sem dúvida, é uma grata surpresa, fruto de um trabalho integrado com as escolas. Tanto é assim, que os adultos lêem em média um livro por ano – índice lamentavelmente baixo.

De volta às crianças, vemos que o trabalho de estímulo à leitura que vem sendo feito evidencia estarmos no caminho certo.  Hoje, um esforço conjunto entre escolas e editoras mostra aos pais o quanto é importante estimular seus filhos a ler. Além de criar afinidades dentro dos lares, a leitura permite que a criança diferencie a palavra escrita da impressa, construa um vocabulário mais rico, desperte para o mundo de entretenimento e imaginação que cabe dentro de um livro, desenvolva habilidades auditivas e concentração, crie o gosto pela literatura e, muito importante, encare a leitura como uma alternativa de lazer para a família.

A fim de atender essa nova postura de pais e filhos, vem ocorrendo toda uma mobilização para diversificar as propostas de diversão, apresentando a leitura e a cultura como mais uma forma de prazer e lazer.

Na Cidade do Livro, por exemplo, em julho haverá 28 apresentações em que os pais podem levar seus filhos. Grandes livrarias também estão investindo na programação de férias, bem como alguns shopping centers. Trata-se de dar oportunidade para um lazer de melhor qualidade, sabendo que o hábito da leitura, quando é cultivado desde cedo, poderá durar a vida inteira e contribuir para aumentar os índices de leitura dos adultos.

Cláudio Amadio é criador e diretor da Cidade do Livro (www.cidadedolivro.com.br), que até o fim de 2008 deverá atender 1.200 escolas.

                                        _________________________

Direitos autorais (Lei federal nº 9.610/98) - Quando da utilização de material  deste site, deve ser feita a seguinte referência: "extraído de www.idademaior.com.br"